UMA VACA QUER SER PRESIDENTE

15 de dezembro de 2008

Temos uma terrorista se fantasiando de primeira ministra, mas como sempre quem veste o vermelho comunista o passado condena, na internet e nos lugares de respeito da web já circulam o Cirriculum Vitae da terrorista!

Hoje conhecemos assim, com botox, maquiagem química e midática!

dilma-fdp1

Mas o passado fichado é esse, afinal digo passado fichado porque hoje acredito ser bem pior, só que hoje não é fichado, passa e o povão gosta.

dilma-fdp

Codinome:
DILMA VANA ROUSSEFF LINHARES (“ESTELA”, “LUIZA”, “PATRICIA”, “WANDA”)

– Em 1967, era militante da Política Operária (POLOP), em Minas Gerais, junto com seu marido, Claudio Galeno de Magalhães Linhares (“Aurelio”, “Lobato”). Saiu da POLOP e,também com seu marido, ingressou no Comando de Libertação Nacional (COLINA), tendo sido eleita, em Abr 69, quando atuava na então Guanabara, membro do seu Comando Nacional.

– Acompanhou a fusão entre o COLINA e a Vanguarda Popular Revolucionária, que deu origem à Vanguarda Armada Revolucionária Palmares (VAR-P). Em Set 69, participou como convidada – só com direito à voz – do I Congresso da VAR-P, realizado numa casa em Teresópolis. Nessa ocasião, Darcy Rodrigues, um ex-sargento do Exército oriundo da VPR, tentou agredi-la , sob a ameaça de Dilma não mais poder participar das ações armadas. Na ocasião, recebeu a proteção de Carlos Franklin Paixão de Araújo e com ele foi viver e militar no Rio Grande do Sul e, logo depois, em São Paulo, onde foi presa em 16 Jan 70.

Dilma Roussef, a “camarada de armas” de José Dirceu, como ele mesmo lhe chamava, unindo numa só expressão o tratamento soviético e o ideal comuno-guerrilheiro.

A Ministra Dilma “Estela” Roussef, em seus tempos de juventude, foi guerrilheira e participou ativamente das fileiras de dois grupos terroristas no país: o COLINA, Comando da Libertação Nacional, organização terrorista e subversiva; e o VAR-Palmares, a Vanguarda Armada Revolucionária de Palmares, uma verdadeira FARC brasileira, a qual, como o próprio nome diz, tencionava realizar a Revolução Comunista por meio das armas e da violência. No VAR-Palmares, a Ministra usava o codinome de “Estela”. E, tomando como base as atitudes da Ministra, nada nos faz supor que tenha esquecido suas idéias revolucionárias.

Para melhorar o seu Curriculum para ser presidente só falta mesmo ser analfabeta, ai pronto, tem todos os requisitos para governar a banania, digo, brasil, bandida, ladra, assaltante, terrorista, corrupta, só falta mesmo ser analfabeta!